Preto Show diz que os Rappers Angolanos São Tudos Acabados e retratados disse o Musico.


Mensagem esta que para além de polêmica, contém muitos erros tanto gramaticais como ortográficos. Como o Twitter é uma rede social de famoso, a dica do Preto Show não ficou por aí; seguiram-se as respostas de vários usuários em que muitos deles se a pegaram mais na polêmica e outras nos já ditos erros mas o grande comentário ficou para o fim: Reptile, CEO da Pirline (referência obrigatória no rap em Angola), decidiu não deixar o seus crédito em mãos alheias e gozou da ironia para retratar o Preto Show respondendo: “Não fica maluco (usando um emoji de gargalhadas)” deixando ainda mais o kudurista em no ridículo.

Recorde-se que não é a primeira vez que Preto Show se mete em polémica com Rappers, já foi e continua a ser alvo de Naice Zulo. Aguardamos os próximos capítulos.

No passado dia 28 (Quarta-feira), Preto Show publicou no seu perfil uma mensagem em que desafia todo e qualquer rapper tanto da nova como da velha escola dizendo: